• Você está aqui:
  • Casa »
  • Notícias »

MT: AASPSI Brasil reúne-se com Presidência do Tribunal de Justiça

Associação tratou da desvalorização dos profissionais credenciados

No dia 30 de novembro a AASPSI Brasil reuniu-se de forma virtual com a Presidência do Tribunal de Justiça do Mato Grosso. A reunião foi solicitada com o objetivo de apresentar a associação e sua atuação, bem como de tratar da situação dos assistentes sociais e psicólogos credenciados que prestam serviços para a instituição.

Participaram da reunião a presidente em exercício, desembargadora Adriana Coningham, o assistente técnico, Jabes Alberto Dias e a juíza Cristiane Padim, coordenadora do Núcleo Permanente de Métodos Consensuais de Conflitos (Nupemec). Representaram a Associação a presidente, Maíla Vilela Rezende Luiz, a conselheira consultiva, Arlete Oliveira, Elisabete Borgianni, do Conselho de Especialistas e a assessora jurídica Sonia Guerra Garcia.

As diretoras falaram sobre a história da Associação, nossas principais ações na luta pela valorização dos assistentes sociais e psicólogos nos diversos espaços que compõem o sociojurídico e pela garantia de direitos de servidores públicos e da classe trabalhadora em geral.

Em seguida, contaram que a AASPSI Brasil foi procurada por um grupo de assistentes sociais e psicólogos credenciados ao Tribunal de Justiça, que se sentiram prejudicados com o Provimento N° 61/2020, que reduziu sobremaneira os valores pagos pelos serviços prestados, precarizando os já frágeis vínculos de trabalho. Para piorar a situação, a gestão é feita por um profissional que não é da área e que classifica boa parte do serviço como mero informe e os técnicos recebem apenas R$ 40 pelo serviço.

Diante do quadro, a assessoria jurídica da Associação entrou com pedido de mediação no Nupemec e aguarda os trâmites da ação. Os representantes do Tribunal ouviram com atenção e demonstraram interesse em buscar uma resolução para o pleito do grupo de profissionais, dentro do processo de mediação.

Assim que tivermos novidades sobre o andamento da ação divulgaremos nas nossas páginas.

 

Sobre o(a) autor(a) Ana Carolina Rios

Jornalista pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (PUC-SP), bacharel e licenciada em letras pela Universidade de São Paulo (USP). Assessora de Comunicação da AASPSI Brasil desde 2012.